A medida que marchamos para oitava e última temporada do fenômeno mundial da HBO, as expectativas são altas após os eventos do final da sétima temporada. E claro, não podemos esperar apenas confrontos políticos, mas confrontos entre vivos e os mortos e entre dragões de gelo e de fogo.

Embora os últimos episódios da série sejam, obviamente, cercados de segredos, nosso querido John Bradley, que interpreta Sam Tarly, nos conta sobre o que podemos esperar.

Quando Sam foi nos apresento pela primeira vez, ele parecia ser um personagem que teria uma morte precoce, mas nossas expectativas para este personagem foram aumentando após se tornar um amigo íntimo e confidente de Jon Snow (Kit Harington), tendo, a partir de então, papeis muito importantes no decorrer da história. Uma de suas responsabilidades nesta sétima temporada foi descobrir uma maneira de matar os White Walkers (Caminhantes Brancos), além de ter descoberto uma cura para o Greyscale e, através de Gilly (Hannah Murray), a verdadeira herança daqueles destinados ao Trono de Ferro.

É seguro dizer que ele seja um dos personagens mais influentes da trama e, certamente, uma das figuras mais populares em Westeros para os espectadores.

 

 

Ao promover seu novo filme, American Satan – com data de lançamento para 13 de outubro de 2017 –, Bradley revelou o que os fãs de GoT podem esperar desta oitava temporada:

“Este ano nós reunimos uma equipe de diretores que lidaram alguns dos nossos grandes episódios no passado… Claramente, cada episódio um dos seis episódios da oitava temporada será monumental, e precisará de alguém no leme, que já tenha feito esse tipo de alto risco, direção de alta octanagem para nós… Eu acho que o que costumávamos chamar de ‘Episódio 9’ no folclore de Game of Trones – o episódio onde tudo vem à tona e você obtém muitas sequencias espetaculares –, eu penso que você terá seis ‘Episódios 9’ este ano… Então eu mal posso esperar!”

Os diretores a que Bradley se refere são Miguel Sapochnik e David Nutter, e aproveita a oportunidade para elogiar, com entusiasmo, seus trabalhos. Ele também aplaude a decisão de ter os espectadores David Benioff e Dan Weiss direcionando o final, que ela chama de “poético”, e afirma que eles “merecem o direito de terminar este show da maneira que acharem conveniente”.

Sabemos que a próxima temporada será a mais cara da história, e que conflitos maciços e efeitos especiais serão uma parte importante disso. Assim como John Bradley, estamos entusiasmados para o que estar por vir nesta última temporada de Game of Thrones.

 

BY: Alysson Maramaldo

https://i1.wp.com/maisclube.com.br/wp-content/uploads/2017/10/2012-07-14-game_of_thrones-e1467163504626.jpg?fit=1024%2C576https://i1.wp.com/maisclube.com.br/wp-content/uploads/2017/10/2012-07-14-game_of_thrones-e1467163504626.jpg?resize=150%2C150Clara OliveiraNotíciasSéries#HBO,Game of Thrones,Sam TarlyA medida que marchamos para oitava e última temporada do fenômeno mundial da HBO, as expectativas são altas após os eventos do final da sétima temporada. E claro, não podemos esperar apenas confrontos políticos, mas confrontos entre vivos e os mortos e entre dragões de gelo e de fogo. Embora...Tudo sobre literatura, games, cinema e séries. O seu, o nosso, como um clube de amigos